ENVIOS GRÁTIS EM TODAS AS COMPRAS EM PORTUGAL CONTINENTAL

Cuidados a ter com os bebés nos meses de frio

No outono e no inverno, é necessário adotar medidas preventivas para evitar que a saúde e o bem-estar do bebé não sejam ameaçadas pela exposição ao frio. Por outro lado, também é importante ter em conta que mantê-los demasiado quentes é igualmente prejudicial. Neste artigo, damos a conhecer alguns cuidados a ter para ajudar o bebé nesta época do ano.  

Contacto com o exterior

Mais do que o frio, o mais nefasto para o bebé são as amplitudes térmicas muito bruscas. 

Por isso, é preferível levar o bebé à rua nas horas mais centrais do dia: a meio da manhã ou a meio da tarde. É nestas alturas que as amplitudes térmicas são inferiores. 

Durante os primeiros meses, o sistema imunitário do bebé é bastante frágil, pelo que deve evitar levá-lo a locais onde existam aglomerados de pessoas – sobretudo locais fechados, como centros comerciais.

O uso de capa de chuva nos carrinhos é essencial, para evitar que o bebé se molhe e que, como consequência, fique doente. Com esta capa, poderá dar pequenos passeios mesmo que o tempo não seja o mais favorável.

Vista o seu bebé com a mesma quantidade de roupa com que estiver vestida, mas lembre-se que as mãos e os pés estão habitualmente frios. Logo, para saber se o seu filho está corretamente agasalhado, coloque a mão no tronco, no pescoço ou na nuca e acrescente ou retire os agasalhos em conformidade.

Atmosfera caseira

Em casa, é importante manter uma atmosfera equilibrada e evitar temperaturas muito díspares entre as divisões. 

Os recém-nascidos devem ser mantidos em locais quentes, mas não devem usar roupas muito abafadas ou ser sujeitos a grandes variações de temperatura.

A temperatura corporal do bebé deve situar-se entre os 36,5 e os 37,2 °C. Com calor, o bebé mostra-se irritado e transpira. 

Colocar o bebé a dormir em ambientes muito aquecidos é totalmente desaconselhado. Esta é, aliás, uma das causas apontadas para a morte súbita nos bebés. Por isso, importa manter o ambiente ameno e colocar o bebé a dormir num saco próprio, uma vez que o uso de roupa de cama é outra das possíveis causas para a ocorrência da morte súbita do lactente. Como os recém-nascidos não conseguem virar-se, encontram-se indefesos caso a roupa de cama os sufoque, pelo que se aconselha a utilização de um saco de dormir.

Os ambientes secos devem ser evitados, visto que favorecem o aparecimento de constipações. Um ambiente demasiado seco pode impedir que o organismo do bebé expulse corretamente as impurezas, pelo que o bebé deverá ser mantido a uma temperatura constante e idealmente com um nível de humidade de 50%. 

Um ambiente excessivamente húmido acarreta igualmente problemas, pelo que importa manter um ambiente ameno — nem húmido, nem seco, nem frio, nem quente. A casa deve ser diariamente ventilada e o pó limpo.

Como proceder antes, durante e depois do banho

Antes do banho, prepare tudo o que vai precisar (toalha, produtos de higiene, fralda, roupa, etc.) e coloque no local onde vai vestir o bebé.

Deixe a água quente do chuveiro correr alguns minutos antes, para ajudar a vaporizar o ambiente e evitar que haja um choque entre a temperatura da pele do bebé e a temperatura da água (que deve estar a 37 °C). 

Antes de despir o bebé, feche a porta da casa de banho para evitar correntes de ar. O banho do bebé deve ser rápido, não devendo demorar mais do que 5 minutos. 

A pele do bebé deve ser sempre bem limpa e seca após o banho, de forma a evitar a proliferação de fungos. Aliás, no inverno, a pele do bebé requer cuidados especiais, tais como:

  • Vestir roupas largas e suaves ao bebé.
  • Não exagerar nos produtos, restringindo o uso de champôs, sabonetes e sabonetes corporais nos invernos rigorosos. Esses produtos podem ressequir ainda mais a pele. Um simples banho de água, seguido de um bom hidratante é o suficiente. 
  • Hidratar a pele com cremes adequados, dando especial relevância ao rosto (sobretudo em volta dos lábios), uma vez que é a zona que se encontra mais exposta às agressões ambientais.

Se estiver muito frio e não quiser dar banho integral ao seu bebé todos os dias, não tem de o fazer. Limpe muito bem a zona da fralda entre mudas e, assim, não precisa de despir totalmente o seu bebé.

O que vestir ao bebé 

O melhor é vestir o bebé às camadas, retirando ou acrescentando peças consoante a temperatura ambiente. Poderá começar por um body e uns collants, uma camisola e um par de calças e um macacão ou casaco.

Prefira peças interiores em algodão para deixar a pele respirar e evitar alergias. Como os bebés perdem muito calor pelas extremidades, proteja a cabeça, as mãos e os pés.

Se o bebé transpirar ou se mostrar mais irritado, pode estar com calor. Vá retirando peças até o sentir confortável.

Cuidados a ter ao deitar o bebé 

Vista o bebé para dormir também por camadas. Fralda, body, collants ou meias e, por fim, o pijama. 

Mesmo no inverno, nos dias mais frios, a cabeça do bebé nunca deve ser tapada com lençóis, mantas ou cobertores para evitar que sufoque.

Não use almofada. Deite o bebé de barriga para cima, com os pés a tocar o fundo do berço e cobra-o apenas até ao nível do tronco, para que mantenha a cabeça destapada quando se movimenta.

As melhoras formas de manter o bebé hidratado 

Não fazer uma pausa nem interromper a amamentação é a melhor maneira e mais natural de garantir a imunidade de um bebé, pois o leite materno fornece todos os nutrientes de que necessita para crescer. Com o início da diversificação alimentar, por volta dos 6 meses, o bebé precisa de água entre as refeições para se manter hidratado.

A importância da limpeza nasal 

Os bebés mais pequenos quase só respiram pelo nariz, por isso, quando este fica obstruído têm dificuldade em respirar. O nariz é uma porta de entrada para agentes infeciosos, poluição, fungos, pólen e outras partículas que andam no ar e que podem provocar alergias, infeções e constipações. Por isso, é fundamental manter o nariz do bebé bem limpo e desobstruído. 

Quando o clima está mais seco, é aconselhável limpar o nariz do bebé todos os dias com um aspirador nasal ou soro fisiológico (prefira as embalagens descartáveis), sempre que necessário, para evitar a formação de crostas e a desidratação das fossas nasais. A limpeza deverá ser realizada antes das mamadas, para que o bebé tenha mais facilidade em alimentar-se.

Outra dica importante: sempre que possível, evite os aquecedores, pois secam o ambiente. Quando não for possível, coloque alguma fonte de água que possa humedecer o local e substitua os filtros de forma periódica. 

Limpar e arejar o quarto com frequência 

O quarto do bebé deve estar sempre limpo. Deve também ser arejado todos os dias, mesmo nos mais frios. Quando o fizer, retire o bebé do quarto e feche a porta para evitar correntes de ar.

Evite ter muitos peluches e brinquedos no quarto. Deixe apenas o essencial para evitar a acumulação de pó e ácaros, potenciadores de alergias respiratórias.

Se o bebé está constipado, com dificuldade em respirar ou alimentar-se, pode usar um humidificador, com as devidas precauções e cuidados, para ajudar a libertar as secreções. O uso de humidificadores não é consensual por isso, fale com o seu médico sobre a sua utilização no quarto do bebé.

As vantagens de uma boa massagem 

Massajar o bebé permite um melhor fluxo sanguíneo, estimulação em todo o corpo e desenvolvimento imunológico. Opte por um bom óleo para bebés e mantenha o ambiente aquecido enquanto faz a massagem.

Outras ações preventivas importantes 

Uma vez que o sistema imunitário do bebé ainda não se encontra fortalecido, é necessário esterilizar chuchas e tetinas, de forma a evitar o contacto do organismo do bebé com germes que ainda não consegue combater. 

Manter as mãos e o meio ambiente limpos, bem como evitar que os recém-nascidos contactem com pessoas constipadas, com tosse, corrimento nasal ou com sintomas de quadros virais ou bacterianos, constituem também ações preventivas de grande importância.

 

Fontes: 

advancecare.pt

maemequer.sapo.pt

ovumhospitals.com

Tags: frio, alimentação, vestuário, roupa, banho, bebé, recém-nascido 

 

Deixe um comentário

Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos